ETIAS para estudar na Europa: entenda em que casos você precisa da autorização

A Europa é um continente rico em história, cultura e encantos. Por isso, muitas pessoas querem não apenas visitar os países, mas também aprender algo novo. Sendo assim, a partir de 2023, cidadãos de 62 países poderão solicitar o ETIAS para estudar na Europa, desde que para cursos com menos de 90 dias. 

O ETIAS (Sistema Europeu de Informações e Autorização de Viagem) é uma autorização de viagem que será exigida para quem deseja viajar pelos países do Espaço Schengen e, atualmente, não precisam de visto para entrar no continente. 

Você pretende estudar na Europa e quer saber como usar o ETIAS para isso? Acompanhe o artigo abaixo e veja os detalhes de como irá funcionar e autorização de viagem e o passo a passo para solicitar a sua. Confira!

Devo solicitar um ETIAS para estudar na Europa?

Atualmente, cidadãos de 62 países, entre eles brasileiros, não precisam de visto para entrar na Europa para viagens de até 90 dias. No entanto, isso está mudando. A partir de 2023, esses cidadãos serão obrigados a solicitar o ETIAS, uma autorização de viagem para quem deseja realizar viagens de turismo, negócios, cuidados médicos ou trânsito. 

Muitas pessoas desejam estudar na Europa porque é uma experiência única, seja profissional ou pessoal. Dessa forma, usar o ETIAS para estudar na Europa pode ser uma excelente oportunidade. 

Portanto, quem deseja fazer cursos com duração menor que 90 dias na União Europeia, pode solicitar o ETIAS. Para isso, é preciso ser cidadão de um dos seguintes países: 

  • Albânia;
  • Antígua e Barbuda;
  • Argentina;
  • Austrália;
  • Bahamas;
  • Barbados;
  • Bósnia e Herzegovina;
  • Brasil
  • Brunei;
  • Canadá;
  • Chile;
  • Colômbia;
  • Costa Rica;
  • Dominica;
  • El Salvador;
  • Geórgia;
  • Granada;
  • Guatemala;
  • Honduras;
  • Hong Kong;
  • Israel;
  • Japão;
  • Kiribati;
  • Macau;
  • Malásia;
  • Ilhas Marshall;
  • Ilhas Maurício;
  • Macedônia (Norte)
  • México;
  • Micronésia;
  • Moldávia;
  • Montenegro;
  • Nauru;
  • Nova Zelândia;
  • Nicarágua;
  • Palau;
  • Panamá;
  • Paraguai;
  • Peru;
  • Saint Kitts e Nevis;
  • Saint Lucia;
  • Saint Vincent;
  • Samoa;
  • Sérvia;
  • Seychelles;
  • Singapura;
  • Ilhas Salomão;
  • Coreia do Sul;
  • Taiwan;
  • Timor Leste;
  • Tonga;
  • Trindade e Tobago;
  • Tuvalu;
  • Ucrânia;
  • Emirados Árabes Unidos;
  • Estados Unidos da América;
  • Uruguai;
  • Vanuatu;
  • Venezuela.

O sistema para solicitar o ETIAS será lançado apenas em 2022, portanto, até lá é possível que essa lista sofra alterações. Sendo assim, antes de planejar sua viagem, é preciso ver a lista atualizada no site oficial. 

Em quais casos posso estudar na Europa com um visto ETIAS?

Como já mencionado anteriormente, o ETIAS é uma autorização de viagem que permite a permanência de até 90 dias na União Europeia. Portanto, quem deseja utilizar o ETIAS para estudar na Europa deve o fazer apenas para formações rápidas, como cursos livres de curta duração, cursos intensivos de idiomas ou um curso de reciclagem profissional. 

Essas experiências, mesmo sendo mais rápidas, podem agregar muito no seu currículo e, principalmente, na vida pessoal. 

Portanto, o ETIAS para estudar na Europa será necessário para quem deseja fazer um curso em um dos países que fazem parte do Tratado Schengen dentro de um período de 90 dias, sem precisar pedir visto de estudante. No entanto, é importante lembrar que essa permissão é para viagens com razões turísticas e estudos de curta duração. 

Dessa forma, diferente de um visto de estudante, com o ETIAS não é possível trabalhar na Europa. 

Quando não é possível estudar na Europa com o ETIAS?

Por outro lado, quem deseja fazer cursos de longa duração, é preciso solicitar um visto de estudante do país onde você for estudar, e cada país Europeu tem suas próprias regras. 

Sendo assim, é importante consultar o Consulado ou Embaixada do país desejado.  Não é possível usar o ETIAS para estudar na Europa nas seguintes situações:

  • Ensino regular;
  • Graduação;
  • Pós graduação;
  • Mestrado;
  • Doutorado;
  • MBA;
  • Especializações. 
Solicitar o ETIAS para estudar na Europa

O ETIAS é destinado para quais atividades na Europa?

O ETIAS é uma autorização de viagem que será exigida para quem deseja viajar pelos países do Espaço Schengen, a partir de 2023, para viagens de:

  • Turismo;
  • Negócios;
  • Trânsito. 

Lembrando ainda que haverá um período de transição de um ano a partir de 2022. Nesse tempo, o ETIAS não será obrigatório porque as autoridades terão tempo para fazer os ajustes necessários. 

Posso fazer um curso de menos de 90 dias com ETIAS e depois solicitar residência na Europa?

Depende da regra de cada país. Assim como já mencionado anteriormente, o ETIAS é válido para viagens com duração de até 90 dias.

No entanto, existe a possibilidade de prorrogar sua estadia e até mesmo solicitar um visto de residência, desde que o pedido seja feito antes de encerrar o prazo de três meses. Mas, para isso, cada país possui as suas próprias regras de visto. 

Quem deseja solicitar um visto de residência deve consultar a Embaixada ou Consulado do país desejado e se informar sobre os requisitos para solicitar um visto de permanência.

Além disso, todo esse procedimento deve ser feito antes do prazo da autorização de viagem expirar. Nunca fique na Europa com o ETIAS vencido, pois se acontecer, você corre o risco de ficar de um a cinco anos banido da União Europeia. 

Como solicitar o ETIAS para estudantes?

Estudantes podem solicitar o ETIAS para estudar na Europa diretamente no site oficial. Para isso, é preciso seguir alguns critérios.

São eles:

  • Ser cidadão de um dos 62 países que atualmente não precisam de visto para entrar no Espaço Schengen e serão obrigados a possuir o ETIAS;
  • Passaporte com a validade mínima de seis meses da data de chegada na Europa; 
  • Ter um cartão de crédito ou débito internacional com limite disponível para pagamento da taxa;
  • Possuir um e-mail válido para o envio da autorização de viagem.

Solicitar ETIAS para estudar na Europa – passo a passo

Solicitar o ETIAS para estudar na Europa é um processo rápido e fácil, que deve levar poucos minutos. Confira o passo a passo a seguir:

  1. Acesse o site oficial do ETIAS;
  2. Preencha o formulário online com seus dados pessoais e o primeiro país de destino;
  3. Efetue o pagamento da taxa do ETIAS de 7€ (cerca de R$44) com cartão de crédito ou débito internacional;
  4. Aguarde o resultado da sua autorização por e-mail;
  5. Imprima a autorização e leve no dia do embarque junto com o passaporte utilizado.

Todas as informações enviadas serão analisadas pelo sistema de segurança da Comissão Europeia, que está conectado a diversos amplos e modernos bancos de dados que podem verificá-las em poucos minutos.  

Sendo assim, é preciso preencher as informações com cuidado e atenção para que elas estejam verdadeiras e corretas, para que seu ETIAS não seja negado. 

Dicas finais

Quem deseja estudar na Europa, pode fazer cursos de curta duração com o ETIAS, a partir de 2023. Os cursos não podem ultrapassar 90 dias (três meses) e a autorização de viagem deve ser solicitada online e com antecedência a viagem. 

Com planejamento, é possível que em sua viagem de turismo pela Europa, você também aprenda algo novo.