ETIAS para Dinamarca: entenda como funciona a autorização de viagem

A Dinamarca é um país escandinavo que é parada certa de quem deseja conhecer os países nórdicos. No entanto, cidadãos de 62 países que hoje não precisam de visto para conhecer  a terra dos Vikings, precisarão solicitar o ETIAS para Dinamarca, uma autorização de viagem para visitas de turismo, negócios ou trânsito. 

Acompanhe o artigo abaixo para saber mais detalhes sobre como funciona o ETIAS para Dinamarca e quais são os requisitos para solicitar o seu. Além da Dinamarca, será preciso o ETIAS para outros países, veja quais são.  Vamos lá?

É necessário o ETIAS para Dinamarca?

O ETIAS (Sistema Europeu de Informações e Autorização de Viagem) é um sistema 100% eletrônico que irá permitir e acompanhar visitantes de 62 países que, atualmente, não precisam de visto para entrar no Espaço Schengen. Sendo assim, quem desejar visitar qualquer um dos países que fazem parte do Acordo, irá precisar do ETIAS. 

A Dinamarca faz parte do Espaço Schengen desde 2001, portanto, para visitar o país também será necessário possuir o ETIAS

Motivos da necessidade

De forma simples, o ETIAS para Dinamarca surgiu com o objetivo principal de combater e auxiliar a detecção de crimes de terrorismo e a imigração ilegal, tanto no país quanto nos outros países do Espaço Schengen. 

A autorização tornará as viagens para a Dinamarca menos complicadas e uma experiência muito mais segura, tanto para os turistas como para os moradores locais. 

Além disso, outras vantagens são a redução de procedimentos e menos burocracia para conseguir autorização para viajar entre os países europeus. Também irá melhorar a gestão das fronteiras dos países do Espaço Schengen. 

ETIAS é obrigatório: saiba quem deve solicitar a autorização de viagem.

Regras de vistos na Dinamarca

Atualmente, são isentos de visto para a Dinamarca:

  • Cidadãos de um país nórdico;
  • Quem possui cidadania de algum país da União Europeia;
  • Quem for membro da família de um cidadão da União Europeia;
  • Brasileiros são isentos de visto para entrar na Dinamarca para viagens de turismo de até 90 dias.

No entanto, para entrar sem visto, os nacionais precisam cumprir algumas exigências. Entre elas, pode ser necessário provar no aeroporto que possui:

  • DKK 500/dia, se você se hospedar em hotel;
  • DKK 350/dia, se você se hospedar em albergue ou casa particular;
  • Documentos extras.

Tipos de visto ETIAS: quais são e como solicitar o seu.

Documentos necessários para visitar o Espaço Schengen

As autoridades de fiscalização podem exigir que o turista apresente os seguintes documentos na chegada:

  • Documento de viagem com validade mínima de 180 dias após a entrada na área Schengen;
  • Passagem de ida e volta;
  • Comprovante de reserva de hospedagem ou carta convite da pessoa de referência que mora na área Schengen;
  • Carta ou declaração do empregador ou outro documento que comprove a volta ao país de origem/residência;
  • Seguro saúde com cobertura mínima de € 30 mil.

Lembrando que, caso não sejam cumpridos tais requisitos, a entrada na área Schengen poderá ser recusada. E, a partir de 2023, os turistas serão obrigados a apresentar o ETIAS para Dinamarca e os demais países do Tratado. 

Países que precisam solicitar o ETIAS para Dinamarca

Além do Brasil, membros de 61 países não precisam de visto para viagens de até 90 dias por motivos de  turismo, negócios e trânsito na Dinamarca. 

Hoje não precisam de visto os cidadãos dos seguintes países:

  • Albânia;
  • Antígua e Barbuda;
  • Argentina;
  • Austrália;
  • Bahamas;
  • Barbados;
  • Bósnia e Herzegovina;
  • Brunei;
  • Canadá;
  • Chile;
  • Colômbia;
  • Costa Rica;
  • República Dominicana;
  • El Salvador;
  • Geórgia;
  • Granada;
  • Guatemala;
  • Honduras;
  • Hong Kong;
  • Israel;
  • Japão;
  • Kiribati;
  • Macau;
  • Malásia;
  • Ilhas Marshall;
  • Ilhas Maurício;
  • Macedônia (Norte)
  • México;
  • Micronésia;
  • Moldávia;
  • Montenegro;
  • Nauru;
  • Nova Zelândia;
  • Nicarágua;
  • Palau;
  • Panamá;
  • Paraguai;
  • Peru;
  • Saint Kitts e Nevis;
  • Saint Lucia;
  • Saint Vincent;
  • Samoa;
  • Sérvia;
  • Seychelles;
  • Singapura;
  • Ilhas Salomão;
  • Coreia do Sul;
  • Taiwan;
  • Timor Leste;
  • Tonga;
  • Trindade e Tobago;
  • Tuvalu;
  • Ucrânia;
  • Emirados Árabes Unidos;
  • Estados Unidos da América;
  • Uruguai;
  • Vanuatu;
  • Venezuela.

Porém, a partir de 2023, esses cidadãos precisarão solicitar o ETIAS para Dinamarca se quiser visitar o país.

Sem contar que, dependendo do motivo de sua viagem à Dinamarca, existem diferentes tipos de vistos que se aplicam à ocasião. Você pode solicitar, por exemplo:

  • Visto para estudar;
  • Visto de trabalho;
  • Visto de residência permanente;
  • Visto Schengen. 

Critérios, requisitos e formulário

O ETIAS foi criado, principalmente, para garantir a segurança de cidadãos europeus e turistas. Portanto, para solicitar a sua autorização de viagem, é preciso cumprir alguns requisitos. O primeiro deles é ser cidadão de um dos países mencionados anteriormente. Além disso, você deve:

  • Possuir passaporte com a validade mínima de seis meses da data de chegada (o biométrico é o mais recomendado); 
  • Ter um cartão de crédito e débito internacional com limite liberado para pagamento da taxa;
  • Possuir um e-mail válido, para onde será enviada a autorização de viagem.

Ainda, um dos requisitos para solicitar o ETIAS para Dinamarca é o pagamento da taxa de 7€ (cerca de R$44,00) e deve ser paga por adultos entre 18 e 69 anos. Crianças até 17 anos e idosos acima de 70 anos devem solicitar a autorização, porém, são isentos da taxa. 

Crianças menores de 18 anos precisam que seu responsável legal preencha o formulário. 

Formulário

Solicitar o ETIAS para Dinamarca será um processo online, rápido e prático. Estima-se que os requerentes levarão cerca de dez minutos em todo o processo. Para isso, será necessário preencher um formulário, que pode pedir diferentes informações de acordo com o seu país de nascimento. 

No geral, algumas informações devem ser:

  • Informações pessoais, como nome, data e local de nascimento;
  • Informações sobre sua cidadania;
  • Endereço e telefone para contato;
  • E-mail válido para onde será enviada a autorização;
  • Escolaridade e experiência de trabalho;
  • Colocar a Dinamarca como primeiro país que você pretende visitar.

Além disso, será preciso responder perguntas que irão definir se você é ou não elegível para o ETIAS, que serão sobre sua condição médica, viagens para países de guerra ou lugares onde você foi deportado ou rejeitado, além de antecedentes criminais. 

Preencher esse formulário corretamente e com informações verdadeiras é essencial para que seu ETIAS para Dinamarca seja aprovado. 

Documentos para Dinamarca

Outro objetivo com a criação do ETIAS foi diminuir o tempo de burocracia para conseguir autorização para viajar entre os países do Espaço Schengen e, assim, melhorar a gestão das fronteiras entre eles. Por isso, para solicitar o ETIAS para Dinamarca, não será necessário nenhum documento anexado. 

O único documento exigido é o passaporte com a validade mínima de seis meses da data de chegada no país. Apesar de não ser obrigatório, o biométrico garante muito mais segurança. Além disso, o ETIAS ficará vinculado ao passaporte informado no momento da solicitação e devem ser apresentado juntos no momento do embarque. 

Ainda que outros documentos pessoais não sejam necessários, é de suma importância que os dados inseridos no formulário sejam verdadeiros. Isso porque o ETIAS contará com um amplo e moderno sistema com um banco de dados que, em poucos minutos, irá verificar:

  • Se as informações concedidas estão corretas; 
  • Sua elegibilidade;
  • Fatores de risco, para saber se você representa algum perigo para os cidadãos europeus.

Se o sistema apontar alguma falha, seu ETIAS para Dinamarca será negado. 

Documentos adicionais

Apesar de o sistema ser moderno e rápido, alguns candidatos podem ter que enviar documentos adicionais para que a autorização seja concedida. Isso pode acontecer se a Unidade Nacional da Dinamarca considerar as informações fornecidas pelo requerente como insuficientes para uma decisão.

O candidato receberá por e-mail a relação dos documentos adicionais solicitados. E ele terá dez dias para fornecer os documentos diretamente à unidade nacional do ETIAS da Dinamarca através do serviço de conta segura.

Documentos do ETIAS para Dinamarca

Documentos para a viagem

No momento do embarque, outros documentos são obrigatórios, como:

  • Passaporte válido usado para solicitar o ETIAS;
  • Autorização de viagem ETIAS que foi enviada por e-mail;
  • Seguro viagem, obrigatório para países Europeus;
  • Comprovantes de hospedagem ou carta-convite;
  • Comprovações financeiras;
  • Passagem de retorno. 

Como é passar pela imigração na Dinamarca

Para passar pela imigração da Dinamarca de forma tranquila, separe todos os documentos necessários, como o passaporte, cartão de embarque, autorização ETIAS e documentos pessoais. Dessa forma, você terá tudo à mão quando for solicitado. 

Na imigração, as autoridades locais podem fazer algumas perguntas como de onde você vem, motivos para a viagem, onde você irá ficar. É muito importante sinceridade e nunca mentir. Além disso, mantenha a calma. Apesar de, nem sempre essas perguntas serem feitas, não passa de um procedimento padrão. 

Só para Dinamarca ou para outros países?

Além do ETIAS para Dinamarca, quem deseja visitar os outros 25 países que compõem o Espaço Schengen precisará solicitar a autorização de viagem. São eles:

  • Alemanha;
  • Áustria;
  • Bélgica;
  • Eslováquia;
  • Eslovênia;
  • Estônia;
  • Espanha;
  • Finlândia;
  • França;
  • Grécia;
  • Hungria;
  • Holanda;
  • Islândia;
  • Itália;
  • Letônia;
  • Liechtenstein;
  • Lituânia;
  • Luxemburgo;
  • Malta;
  • Mônaco;
  • Noruega;
  • Polônia;
  • Portugal;
  • República Checa;
  • San Marino;
  • Suécia;
  • Suíça.
  • Vaticano.

Quais países não exigem o ETIAS

Por outro lado, os países Europeus que não fazem parte do acordo Schengen e não exigem o ETIAS são:

  • Reino Unido;
  • Bulgária;
  • Croácia;
  • Chipre;
  • Irlanda;
  • Romênia.

Dicas finais

A Dinamarca é um lindo país e se você deseja visitá-lo, a partir de 2023, irá precisar solicitar o ETIAS para viajar. O documento é muito importante e visa garantir a segurança dos turistas e moradores dinamarqueses. 

Portanto, ao planejar sua viagem, organize tudo que é necessário, se atente a possíveis erros e faça tudo com calma e antecedência.